Após o sucesso do filme Matrix, a realidade virtual (RV) se tornou proeminente no mundo atual. Muitos produtos são dedicados ao uso da realidade virtual como games, filmes, etc.

O conceito de realidade virtual ganha espaço cada vez mais no Brasil e no mundo. Essa tecnologia é voltada para o setor de entretenimento para estimular o consumo de experiência.

A realidade virtual é uma espécie de simulação feita por computador de um ambiente interativo. Por meio da realidade virtual, as pessoas conhecem diversas realidades sem sair do lugar.

Todos os dias, a realidade virtual avança, proporcionando infinitas possibilidades.

De acordo com o coordenador de engenharia da Fiap, John Paul Hempel, ainda há poucas empresas que criam jogos em 3D. No entanto, muitos criadores de conteúdo já estão migrando para essa tecnologia.

Mesmo não sendo nova, essa tecnologia se popularizou a partir do game Pokémon Go em 2016.

Aquele jogo que mistura pessoas reais com monstrinhos virtuais, podendo ser jogado via smartphones com acesso à internet.

Os headsets e óculos de realidade virtual tornaram tendência no mesmo ano, com os primeiros modelos de peso como Vive (HTC), Gear VR (Samsung), Google Daydream, Oculus Rift (Facebook).

 

Crescimento da realidade virtual

Considerada uma das maiores inovações tecnológicas do mundo, a realidade virtual cresce rapidamente em todo mundo.

Os números são elevados. Quase 10 bilhões de dólares em receita foram arrecadados em 2018. A expectativa é que esse mercado cresça 7 vezes mais até 2021.

Empresas como Samsung, PlayStation têm criado dispositivos para os games de realidade virtual, pois o público consumidor dessa tecnologia cresce a cada dia.

De acordo com estudo da Global Web Index, em 2017, a cada cinco pessoas entre 16 a 34 anos, três estão interessadas nos dispositivos dessa tecnologia avançada.

 

Gemotion, maior franquia de realidade virtual

Hoje em dia, há várias empresas que vendem máquinas de realidade virtual em todo mundo.

A Gemotion é a maior rede de entretenimento dedicada a realidade virtual no Brasil.

Suas máquinas oferecem mais 30 jogos aos clientes proporcionando uma experiência única com diferentes dimensões.

Desde parque de dinossauros, montanhas russas, terror a temas infantis, a franquia é um negócio inovador e de operação fácil.

 

Pokémon Go, game e marketing de futuro

Por meio do jogo Pokémon Go, realidade virtual impactou o marketing de futuro.

Ele dominou o mundo dos jogos mobile em 2016.

Para jogar, o usuário baixava o aplicativo no seu smartphone para capturar o Pokémon virtual.

O jogo incluía um mapa virtual que apontava o Pokémon virtual, na cidade onde o usuário estava.

Quando o usuário topava com um Pokémon, ele aparecia no ambiente de forma virtual.

Quando o jogo surgiu, as pessoas passavam mais tempo nele do que nas plataformas das mídias sociais como Youtube, Facebook e Instagram.

Nos Estados Unidos, o Pokémon Go foi considerado o maior jogo mobile de todos os tempos, por conta da quantidade de usuários ativos, por dia e período.

O jogo se tornou uma sensação em todo mundo e impactou o marketing mundial.

Muitas empresas locais lucraram com o conteúdo do game. Elas compraram espaços de propaganda que atraíam clientes para seus negócios, no momento que eles os usuários estivessem “caçando” Pokémon. Muitos Pokémons estavam localizados nessas empresas.

Além disso, era possível promover determinada marca por meio do PokéStop, uma parada em que os usuários coletavam itens na vida real. Isso foi uma grande oportunidade de vendas para muitos negócios.

Jogos de realidade virtual como Pokémon Go têm transformado o marketing, pois muitas empresas preferem comprar anúncios nos games de realidade virtual do que em redes sociais. Os jogos levam um tráfego real para os negócios.

Além do Pokémon Go, as grandes empresas dos games desenvolveram seus jogos de realidade virtual.

Os principais são:

  • Virtual Boy da Nintendo
  • Job simulator da PlayStation
  • Pool Nation VR
  • OffRoad Drive Desert
  • Monster of Deep: Final Fantasy XV
  • Aiplane Flight Simulator
  • Farming PRO
  • Driving School
  • Legends of Heropolis
  • Football Stadium

 

Maior engajamento

Os games desse tipo geram mais engajamento, pois provoca forte emoções nos usuários.

De acordo com estudo da Nielsen na YuMe, de 2016, os usuários de RV sempre estão mais engajados comparados a outras plataformas de consumo de conteúdo.

A realidade virtual gerou nos usuários uma resposta emocional 27% maior do que 2D e 17% maior do que vídeos.

Dessa forma, os conteúdos para a realidade virtual nos games devem ser mais envolventes, criativos e interativos.

Além disso, por meio da realidade virtual, o mercado de games teve seu ROI aumentado em mais de 20%.

Nos últimos 5 anos, a realidade virtual se mostrou uma tecnologia inovativa cada vez mais real.

Com o mercado em expansão, as empresas gamers de todo mundo estão desenvolvendo dispositivos de realidade virtual para se conectarem aos dispositivos móveis e outras funcionalidades.

 

 

Gostou? Compartilhe ;)