Existe um mundo de acessórios em um Notebook, que contribui não só para a sua estética, como também para a sua funcionalidade, e é justamente nessa área que entra em campo a afirmação de que notebook tem placa de vídeo.

A dúvida de muitas pessoas é sobre como saber se o seu notebook tem placa de vídeo. É comum encontrar usuários que simplesmente desejam abrir as suas máquinas para ter um prova irrefutável.

Se você está entre o grupo de iniciantes na era de jogos, por exemplo, muito provavelmente você já se fez a pergunta se o seu notebook tem placa de vídeo, e em 99,9% dos casos, com certeza o seu computador pessoal tem uma.

Levando em consideração a definição do Wikipédia, chama-se placa de vídeo “um componente responsável por enviar sinais de um computador para um ecrã, a fim de formar imagens para o usuário”.

Ainda segundo a enciclopédia, a qualidade varia de acordo com a potência do seu computador ou notebook, portanto, saber muito bem todas as características do equipamento ajuda a escolher o modelo mais adequado.

Como ter a certeza que o notebook tem placa de vídeo?

placa de vídeo

As empresas que atuam no mercado nesse setor já se acostumaram a inovar sempre, portanto, os novos computadores já saem da fábrica com uma placa mãe embutida na sua placa de vídeo.

Esse é o acessório certo quando se trata do processamento gráfico da máquina. Em vias gerais, sem esse complemento, nós simplesmente não veríamos nada do que é gerado na tela do computador. Na prática, é impossível fabricar uma máquina sem essa peça, uma vez que ela seria totalmente inútil.

Mesmo os modelos considerados mais simples de notebooks contam com essa ferramenta, uma vez que sem ela seria quase impossível fazer com que o seu computador funcionasse.

Ao longo do tempo a placa de vídeo só vem passando por melhorias, sendo que a pioneira foi lançada pela IBM na época do seu primeiro PC. O nome dado a ela nesse momento foi de IBM MDA — Monochrome Display Adapter. A partir desse primeiro modelo, foram sendo acrescentadas melhorias, como, por exemplo, o princípio de aceleração 2D.

Há quem afirme que a primeira placa de vídeo propriamente dita só tenha sido lançada nos anos 90. Foi nessa época que os cientistas passaram a acoplar diferentes funcionalidade nela, transformando o que se tem atualmente, os modelos mais avançados. Todos, foram variações de ferramentas mais antigas.

Como saber qual a placa de vídeo do computador?

Agora que já demos a certeza de que o seu notebook tem placa de vídeo é importante saber qual o tipo de placa, uma vez que ela interfere no seu bom funcionamento.

Existem algumas ferramentas, disponíveis no próprio notebook, que permite essa análise, sem precisar abrir o equipamento para isso. E esse é um segredo que muitas pessoas não sabem.

Essas ferramentas podem ser geradas pelo próprio sistema, ou por terceiros, o que vai variar são as funcionalidades extras que cada uma possui. Se você por acaso não deseja utilizar nada de “fora” do computador, o próprio Windows consegue fazer essa análise.

Você só precisa ir até o botão iniciar, e no menu digitar o seguinte comando: “dxdiag”, retirando as aspas. O passo seguinte é ir até o Enter, ou com o mouse clicar na opção que irá aparecer.

A janela seguinte que você terá acesso irá constar diferentes informações sobre o seu computador, como, por exemplo, memória RAM, processador, além de um infinito número de dados.

O modelo da sua placa estará disponível na opção “disponível”, e a designação correta estará ao lado do “Nome”. Outra maneira de saber qual o tipo de placa de vídeo do notebook é através do painel de controle. Basta ir até a opção “Hardware e Som”, e abrir o “Gerenciador de Dispositivos”.

A janela seguinte irá apresentar os diferentes componentes que fazem parte do seu notebook. As informações precisas sobre se o notebook tem placa de vídeo podem ser acessadas em “Adaptadores de Vídeo”.

Como utilizar outros programas para analisar a placa de vídeo

Programas para analisar placa de vídeo

Quem deseja utilizar programas externos ao Windows para saber se o notebook tem placa de vídeo, ou para analisar esse equipamento, existem uns muito bons no mercado.

Um dos mais conhecidos no meio é o Everest, no entanto, ele acabou sendo descontinuado. Um que se aproxima bastante dele é o AINDA. Essas versões de software são pagas, mas existem alguns gratuitos muito parecidos, como o caso do Speccy.

Como escolher a melhor placa de vídeo para o notebook

Escolher a placa de video

Na hora de comprar um novo notebook é comum que diversas dúvidas apareçam, entre elas está a placa de vídeo. Se levar em consideração os últimos lançamentos é possível saber o quanto essa evolução pode ser percebida, por exemplo, os novos modelos possuem suporte 3D, e um realismo incrível.

Nós recomendados que a primeira pergunta a ser feita na hora de comprar uma placa de vídeo é: “Ela é compatível com o seu notebook?”, isso mesmo, de nada adianta investir em placas de última geração, se elas não servirem para a sua máquina, portanto, faça uma seleção prévia dos modelos que servem para você.

É importante conhecer a potência da placa de vídeo, quanto mais utilizada para jogos, mais ela precisa ser pensada para isso. Entender o processo de armazenamento da memória também ajuda muito.

Um engano muito frequente entre os consumidores é ter como base apenas os números de megabytes e gigabytes da placa. Lógico que eles são importantes, mas entender a geração de cada uma dela faz muita diferença.

Analise sempre a série e frequência, para saber se o produto que você está adquirindo é realmente de qualidade. Se tiver dúvida, é importante conversar com o vendedor, para que tudo seja esclarecido.

Na nossa loja, além desse suporte, também oferece uma enorme quantidade de marcas e valores. Isso faz com que todos possam adquirir aquela mais adequada.

A nossa seleção inclui as placas de vídeos mais procuradas do mercado, portanto, não perca a chance de conhecer mais os nossos produtos.

Gostou? Compartilhe ;)